Cocad incentiva criação amadora

Cocad reúne mais de 900 criadores de todo o Brasil, associação também tem o objetivo de difundir a criação entre adolescentes e jovens.

 O Clube Ornitológico dos Criadores de Ave Doméstica – Cocad, nasceu em 2011 e, mesmo com sua recente e breve história, já possui um grande quadro associativo de criadores. Atualmente, a sociedade tem 920 criadores cadastrados em todo o Brasil, dos quais cerca de 5% já participaram de campeonatos – que, além do Clube estão ligados a outras associações do gênero.

O maior mérito do crescimento no quadro associativo, segundo o presidente Marco A. Migliati, está ligado a um projeto de redimensionamento da canaricultura no País, orientado pelo presidente da Ordem Brasileira de Juízes de Ornitologia, João Francisco Basile. “Acreditamos e apostamos na preservação do criador, fomentando a vinda de novos criadores que mantinham seus plantéis sem a mínima ideia da necessidade de se anilhar um pássaro”, explica Marco. “Nos dias atuais a anilha deixou de ser um objeto de luxo, sendo de extrema importância e necessidade para o pássaro e para a legalidade do plantel”, alerta.

Dentre deste panorama, o clube demonstra que mais de 95% dos criadores que se filiaram nunca tiveram a consciência da necessidade de anilhamento de seus pássaros – “Muitos criavam na ilegalidade por falta de informações que passaram a ter com o Cocad. Isso nos trouxe alegria e a certeza de que estamos no caminho certo”, considerou.

Desde sua criação, o COCAD tem participado de todos os campeonatos brasileiros de primeira e segunda etapa, tendo sido classificado sempre entre os trinta melhores pontuados.

Futuros criadores - Superando os desafios, hoje a Cocad se consolidou no meio e oferece uma série de benefícios aos seus associados. No ano de 2014, houve a distribuição de mais de 70 casais de aves doadas a futuros criadores com a condição de se filiarem ao clube, recebendo 10 anilhas
gratuitamente. “Não medimos esforços para trazer novos criadores para a ornitologia oficial. Hoje atendemos mais de 50 novos criadores e a grande alegria e satisfação é dizer que 37 são adolescentes menores de 14 anos, ou seja, 75% são nossos futuros criadores”.

Para 2015, há um projeto inovador a ser implantado: o clube está em constante contato com empresas fornecedoras de insumos, medicamentos e gaiolas para oferecer aos associados produtos sob condições especiais e preços acessíveis – como funciona em cooperativas agropecuárias.


 Campeões -  os sócios COCAD, Alexandre e Nilton, com as medalhas dos pássaros campões no Campeonato Brasileiro

 

“Agradeço a cada um dos nossos associados que confiam em nosso trabalho, impossível nesse nosso projeto citar ou falar de uma única pessoa, pois não é o objetivo do Cocad. Agradeço também à FOB, por ter nos aceito no quadro de clubes do Brasil que tanto nos orgulha e um agradecimento muito especial ao nosso grande amigo João Basile, pois nosso clube hoje existe porque em 2009 ele nos mostrou, com o projeto de redinamização da canaricultura, que é possível buscar novos criadores para o ornitologia oficial e principalmente, formar pessoas com o gosto e o prazer em ter um pássaro na gaiola como animal doméstico”, finaliza Marco Migliati.